domingo, 2 de janeiro de 2011

CSI

Às vezes tenho uma vontade enorme de ver CSI. Sim, eu sei que aquilo é sempre o mesmo, e se calhar é por isso que eu tenho vontade de ver, porque já sei o que esperar. Mas não é qualquer CSI. Só vejo o original e o NY, e o meu apetite não é por qualquer um dos dois.
Se já viram todos os CSIs sabem (ou deviam saber) que são todos diferentes em termos de filmagem, abordagem, velocidade do desenrolar das coisas, e por ai fora (daí eu gostar mais de uns que de outros). Não vou estar a dizer características de nenhum porque não quero errar (e também não conheço o Miami mas sei que este é muito de cores quente, mais para o amarelo), mas tenho a noção que o original é mais sobre a ciência e o NY é mais sobre novas tecnologias (acho). Por isso quando tenho vontade de ver é nas características de cada um que me baseio, inconscientemente, claro.
Claro que o meu preferido vai ser sempre o original, apesar de já ter perdido as personagens que eu mais gostava.

Assunto muito interessante.

3 comentários:

Cláudia Neto disse...

CSI, muito bem! Era obcecada, mas agora já só tenho tempo para ver de vez em quando.
Bom gosto, sim senhor.

humming disse...

Deixei de ver isso, por causa da maneira como é filmado. Não gostei de nenhum, detesto que as imagens "chocantes" apareçam de chofre, às vezes a primeira imagem é logo um corpo em decomposição cheio de larvas. Não sou de me impressionar, mas não gosto que usem estas coisas (a morte, o sofrimento, a maldade humana) para chocar. Pronto, resumindo, amuei com o CSI.
O CSI Miami sempre me irritou, por várias razões, mas aquelas cores matam-me.

David Pires disse...

Cláudia: Eu vejo nas alturas mortas, normalmente tenho sempre para aqui um episódio por ver.
Não é muito bom gosto, mas às vez tem de ser assim :)

humming: há uns episódios de CSI (original, las vegas, como quiseres) que começam com imagens de uma coisa qualquer que não tem nada a ver com musicas muito boas, só depois é que passa para a "história". Para mim esses são o melhores.
Claro que como tu às fico: oh por favor...
Miami e aquelas cores... sim.