terça-feira, 28 de junho de 2011

Asneiras

     Não vou comentar o acidente que houve com um cantor, mas acho que há uma injustiça no ar. Não digo qual é porque já vi por ai com cada post mais parvo sobre o acidente. As pessoas pensam que sabem tudo, e que se deve pagar pelos erros, e especulam mais do que os bolsistas. Vamos todos pegar nuns paus e vamos atrás dos jovens que conduzem, e vamos pegar fogo a todos eles que são o mal da sociedade!
      Somos todos iguais, todos já foram jovens, todos fizeram asneiras (eu não). Provavelmente não há maneira de mudar as coisas, os jovens são inconsequentes, pensam que têm o controlo de tudo (eu penso), e uma data de coisas que se pode apontar o dedo. Mas há um problema, que é a sociedade aceitar isso como normal, com o típico "são jovens, deixem-nos divertir enquanto podem", o que é das frases mais estúpidas de sempre, e como não quero entrar em combustão instantânea nada mais vou dizer sobre o assunto. 
       Tomar más decisões não ter a ver com ser jovem, tem a ver com carácter, e há pouca gente que o tem.

6 comentários:

VP disse...

Há que ter juízo no que faz.

ana disse...

Gostei! Vou pôr um link no meu blog para este post :)

Gonçalo disse...

gostei do blog sigo :)

David Pires disse...

VP, juízo... uma palavra que perdeu o sentido.

ana, ah nice. :)

gonçalo, bem vindo

António Rocha disse...

Atenção com a escrita priminho, andas a vacilar no português :p

Gostei do novo visual ;)

Abraço

David Pires disse...

Tenho de começar a reler os post antes de publicar. Ando com preguiça.

Obrigado! Abraço :)