sábado, 5 de março de 2011

Feliz e Cosmo

     Hoje fui cortar o cabelo. Mas não é isso que é para aqui chamado. O que é para aqui chamado é a qualidade das revistas que estavam no cabeleireiro (sim sim), a Happy e a Cosmopolitan. Tenho vontade de comprar aquilo todos os meses, ou pelo menos de conhecer raparigas que comprem e apaixonar-me por elas, porque elas é que sabem mesmo o que um homem quer, e mais, são modernas!
     Li alguns artigos (sim sim) e fiquei maravilhado. Gostava de me lembrar de algum, mas quando há muita coisa boa é difícil reter uma coisa particular, e também já não sei separar os artigos de uma dos artigos da outra (se calhar é uma ofensa isto, mas não consigo mesmo). Mas espera lá! Veio-me agora à memória um sobre como agradar o parceiro sexual sem usar as mãos, acho que era uma lista de ideias. Vocês conseguem imaginar a coisa. Só gostava de saber se aquela revista é só para adultos, deve ser sim. Mas se é para adultos... Ok, não encontro faixa etária para aquilo.
     Tenho de começar a ler aquelas revistas mais vezes, vocês sabem porquê.
    Gostava de falar mais sobre o assunto, mas não consigo mesmo, desculpem. Um dia compro uma delas e faço uma analise minuciosa.

6 comentários:

Morce disse...

ahahaha esse artigo de não usar as mãos, é da cosmopolitan deste mês!!! =D
Adoro-a!

David Pires disse...

Tinha de ser desse (li em segundo ficou na memória). Ela sabe como é :)

humming disse...

Abomino por completo todo esse tipo de revistas, principalmente a Happy, e há dias disse que queria sete filhos como tu, porque entre umas quantas coisas que não gostavas estava a Happy. Tu não me estragues a maternidade, rapaz, tu não te convertas ao rasco, que tu dás-me esperança nos jóves e nos hómes.

E há uma coisa dez mil vezes mais esclarecedora do que artigos de revistas: expressões faciais. E outra coisa extremamente útil, que por acaso esse tipo de revista suga: criatividade.

David Pires disse...

Não se preocupe senhora. Esse post foi todo escrito num tom de ironia, claro. Posso continuar a ser a tua esperança? Não me tires isso, que eu não tenho mais nada :)
Estes revistas são tipo aquelas coisas que se metem nos burros, segue segue segue.

humming disse...

O que me ri com o teu comentário! :D
És a minha esperança sim senhor, a esta hora já deves estar verde e tudo.

David Pires disse...

Verde e peito inchado. Não digas mais coisas dessas!